19/12/2017 10:06
Missa do Galo

Missa do Galo

Para celebrar o nascimento de Jesus, a missa do galo foi instituída no século V, rezada à meia noite do dia 24 de dezembro.

A missa do galo é realizada pela Vossa Santidade - o Papa, na cidade de Roma, na Itália. O local da celebração é o Vaticano, na Basílica de Santa Maria Maior, uma praça aberta que acolhe milhares de fiéis.

O termo “missa do galo” ninguém sabe ao certo de onde surgiu, mas alguns estudiosos garantem que a origem da expressão se deu porque na primeira missa um galo cantou à meia noite. Outros contam que no momento em que os fiéis voltavam para suas casas, após assistirem à missa, por volta das duas horas da madrugada, ouviram um galo cantar, anunciando o nascimento de Jesus.

De acordo com outra versão, o nome surgiu porque a missa é muito demorada e termina quando surgem os primeiros raios de sol, quando os galos começam a cantar.

Na tradição, os romanos - no período do solstício de inverno - preparavam a festa do Sol, uma festa pagã, a que originara o Tempo do Advento, um período de preparação para a chegada do natal.

O coordenador da Comissão de Arte Sacra da Arquidiocese do Rio de Janeiro afirma que Jesus é considerado o sol nascente que clareia a escuridão de nossas vidas. Para o monsenhor José Roberto Rodrigues Devellard, a luz, o amanhecer, aparece quando os galos cantam, e é através dela que os homens encontram sentido em meio às trevas.

Por esses motivos, é comum vermos a imagem de um galo nos campanários das igrejas mais antigas, representando vigília, fidelidade e testemunho cristão.

 


Deixe também seu Comentário:

Nome Completo:*
E-Mail:*
Título:*
Mensagem:*

Código de Verificação:
Digite abaixo o código ou clique no
ícone para gerar um novo código

Status do Código Digitado:
 

Enviar     Limpar