Blog da Monte Bianco

22/06/2018 15:37
Capri

CAPRI

Capri é um desses cantinho mágicos repleto de paisagens incríveis, um mar azul de doer e vistas de tirar o fôlego.

Com cerca de 10 km², é uma ilha mediterrânea de origem calcária e com grandes falésias nas beiradas.
Capri possui um intenso fluxo de turistas, principalmente no verão, e é um dos destinos de badalação mais conhecidos e procurados da Europa.

Reza a lenda que o nome da ilha deriva da palavra grega Kapros, que significa “javali” (que povoavam a ilha inicialmente). Mas há vertentes que dizem que deriva mesmo é da palavra latina Capreae, pois os romanos a chamavam assim - “ Ilha da Cabra”.

A fama de Capri vem desde a época do Império Romano. Augusto montou ali a primeira “cidade” que se tem notícia. Mas a ilha ficou conhecida mesmo no governo de seu enteado e sucessor Tibério. O mesmo expandiu o povoado da ilha, criando várias Villas (uma espécie de residências com um grande jardim ou área verde), sendo a mais famosa a Villa Jovis, visitável nos dias de hoje.


Por todo o período do Império Romano, a ilha serviu de refugio e até mesmo como exílio para os condenados ligados à família do imperador, que eram banidos para Capri.
Após a queda do Império, a ilha passou para o domínio de Nápoles e foi invadida e saqueada diversas vezes por piratas e conquistadores (dentre eles, Napoleão Bonaparte). Até que finalmente passou a ser apenas um refúgio paradisíaco para escritores, cientistas e para a realeza de várias partes da Europa.


O que chamamos de “Ilha de Capri” consiste, na verdade, em 2 cidades: a Vila de Capri, localizada logo acima da Marina Grande (o cais principal) e a Vila de Anacapri, que fica mais a leste e onde está o ponto mais alto da ilha.

 

 


Deixe também seu Comentário:

Nome Completo:*
E-Mail:*
Título:*
Mensagem:*

Código de Verificação:
Digite abaixo o código ou clique no
ícone para gerar um novo código

Status do Código Digitado:
 

Enviar     Limpar