Monte Bianco Lingua Italiana - Escola Física e Online de Italiano referência em SP - Blog da Monte Bianco
 

29/03/2021 17:28
A história dos ovos de Páscoa

Os pássaros preparavam o ninho para receber os ovos, pois sabiam que naquele momento o inverno e o frio haviam passado. Os gregos, os chineses e os persas os trocavam como presentes, assim como no antigo Egito, os ovos decorados eram trocados no equinócio da primavera, a data de início do "ano novo", quando o ano ainda era baseado nas estações.

O ovo era visto como um símbolo de fertilidade e quase mágico, devido ao então inexplicável nascimento de um ser vivo de um objeto tão particular. Eram considerados objetos com poderes especiais, e eram enterrados sob as fundações dos edifícios para afastar o mal, e as noivas passavam por eles antes de entrarem em sua nova casa.

Associados à primavera durante séculos, no cristianismo tornaram-se um símbolo do renascimento não da natureza, mas do próprio homem, da ressurreição de Cristo: como um pintinho sai do ovo, um objeto à primeira vista inerte, Cristo veio vivo de sua tumba. Na simbologia, os ovos de cores vivas representam as cores da primavera e do sol. Aqueles coloridos em vermelho escuro são, em vez disso, um símbolo do sangue de Cristo.

O costume de doar ovos decorados com elementos preciosos remonta há muito tempo, e já nos livros de Eduardo I da Inglaterra há uma despesa de 450 ovos decorados e revestidos de ouro para serem dados como presente de Páscoa. Mas os ovos mais famosos foram, sem dúvida, os de um mestre ourives, Peter Carl Fabergé, que em 1883 recebeu do czar Alexandre, a encomenda para a criação de um presente especial para a czarina Maria. O primeiro Fabergé foi um ovo de platina esmaltado de branco que se abriu para revelar um ovo de ouro que por sua vez continha um pequeno pintinho de ouro e uma miniatura da coroa imperial. Os czares ficaram tão entusiasmados que ordenaram a Fabergé que preparasse uma série de ovos para doar todos os anos.

Só no século XVIII é que alguns confeiteiros franceses tiveram a ideia de fazer os ovos com chocolate – iguaria que acabava de chegar das colônias na América. O Coelho da Páscoa surgiu mais ou menos na mesma época, a imagem do Coelho foi associada aos ovos de Páscoa por conta do tamanho da sua ninhada. Queriam mostrar que a mensagem de paz e amor da Jesus Cristo poderia se reproduzir entre os homens com a mesma velocidade do Coelho, que mais que se deleitar com ovos de chocolate, a Páscoa é uma data para comemorar a renovação da fé e a paz entre os homens de boa vontade.

AUGURI A TUTTI E BUONA PASQUA!!!

 

via lapasqua.com


Deixe também seu Comentário:

Nome Completo:*
E-Mail:*
Título:*
Mensagem:*

Código de Verificação:
Digite abaixo o código ou clique no
ícone para gerar um novo código

Status do Código Digitado:
 

Enviar     Limpar